sábado, 18 de agosto de 2012

Notícia!

Amados leitores do blog,
com muita alegria afirmo que terminei o livro do meu testemunho. Agora o livro Meu Milagre está em fase de edição. Estou submetendo o que Deus me deu à análise de professores de português e pessoas da área médica para que tudo fique perfeito, pra glória do Senhor. Quero compartilhar com vc, uma das Palavras que compõe esse livro. Aqui, contei quando me levantei da cama da UTI e saí de lá pela primeira vez, depois do coma.



Um dia, quando Jesus foi crucificado, permaneceu por 3 dias num sepulcro frio, morto. Mas na manhã de domingo, Maria Madalena foi visitá-lo para colocar perfumes em seu corpo como era o costume da época. A bíblia nos conta em João 20 que ela viu dois anjos dentro do túmulo de Jesus, vestidos de branco e eles disseram: “Mulher, por que choras?” Ela respondeu e disse: “Porque levaram o meu Senhor, e não sei onde o puseram.” Ali, aquela mulher completamente sem esperança, que tinha ido visitar o símbolo de sua fé, que estava morto, teve uma experiência das mais fortes de toda a bíblia. Ela olhou e perguntou ao jardineiro onde ele havia colocado o Mestre, sem saber que era o próprio Jesus. Então, ele, olhando para ela disse: “Maria!” Então, o som da voz dele mencionando seu nome, liberou diante de seus olhos a verdade. Era o Mestre, ressurreto, aparecendo a ela pela primeira vez. Ela gritou “Raboni!” (que significa Mestre) e foi correndo contar aos discípulos que ele havia ressuscitado. Certamente muitos desavisados devem ter chegado na UTI naquele dia perguntando por mim e até mesmo pessoas queridas que ainda não sabiam do milagre. Mas encontraram o leito 6, que para muitos seria o local onde meu corpo estaria morto, vazio, apenas com minha silhueta marcada pelo suor e também dois homens vestidos de branco (como estavam os anjos), dizendo que eu não estava mais ali. Através disso, Deus dizia a essas pessoas: “Eu ainda continuo ressuscitando mortos!” E a mesma experiência de Maria, se repetia dois milênios depois, deixando todos extasiados com a glória do Deus que tem poder até sobre a morte.

E, além do poder sobre a morte, Ele também tem poder sobre todas as demais coisas e por vezes, você pode viver momentos como o de Maria, chegando a chorar, crendo que seus sonhos e aquilo de mais importante pra você, está morto. Você verá todas as coisas serem transformadas no momento em que começar a procurar por Jesus e ali, Ele vai te chamar pelo nome e não importa qual seja o vazio que a destruição de algo tenha deixado ou o motivo que tenha te levado ao esgotamento da esperança, Ele fará ressurgir sua alegria e seu júbilo no momento em que te chamar pelo nome. Sim! Exatamente. Ele te chama pelo seu nome. Jesus não te ouve falar com Ele quando O procura e diz: “Ah, esse é ‘aquele branquinho’, ou ‘aquele negrinho’”, não! Ele te chama pelo Seu nome. Te ouve e diz: “Essa é a voz da Cláudia” ou “Espere, conheço esse som! É a voz do Fábio!” E no momento exato que ele responde e profere nosso nome, o milagre acontece.

2 comentários:

Haissa Teixeira disse...

Maravilhoso testemunho. Glórias a Deus por sua vida!
Conheci sua história no Programa Diante do Trono, na Rede Super, e foi, sem dúvida, muito emocionante relembrar (sim, porque muitas vezes a correria diária nos faz esquecer da grandiosidade do nosso Deus.) o poder desse Pai.
Que Ele continue, por meio do seu Ministério, restaurando vidas e as trazendo de volta à Casa do Pai.

Haissa
Guarapari/ES

Maria Isabel Silva disse...

Oi Renato, Jesus fez um milagre tremende em sua vida. Que Deus te abençoe para cada vez mais com seus testemunho sejam edificadas várias vida.
Abraços

Postar um comentário